top of page

Cuidados na compra e venda de imóveis

Vejamos algumas hipóteses exemplificativas: .

📌Se o vendedor for sócio de uma empresa que sofre um processo judicial existe a possibilidade do patrimônio particular dele ser atingido em virtude de desconsideração da personalidade jurídica daquela empresa. (Sim, as decisões judiciais podem ter efeito retroativo e atingir negócios passados);

📌Se o vendedor tiver deixado dívida de condomínio e IPTU o novo proprietário será responsabilizado pelo pagamento;

📌Se o condomínio do vendedor tinha dívidas trabalhistas ou previdenciárias elas serão rateadas entre os proprietários, incluindo o novo comprador;

📌Se o bem vendido pertencia a mais de uma pessoa e não foi dado o direito de preferência;

📌Se o imóvel tiver penhoras; .

📌Se o vendedor disse ser solteiro, mas na verdade era casado, o cônjuge que não assinou o contrato poderá pleitear os seus direitos;

📌Se o vendedor tiver dívidas trabalhistas, fiscais, civis ou até mesmo criminais, o negócio pode vir a ser considerado uma fraude e como consequência disso poderá vir a ser anulado. .

O art. 182 do Código Civil diz que anulado o negócio jurídico, restituir-se-ão as partes ao estado em que antes dele se achavam, e, não sendo possível restituí-las, serão indenizadas com o equivalente. .

⚠️Lembrando que o corretor de imóveis pode ter responsabilidade se tomar conhecimento dessas informações e não repassá-las ao comprador.

Na dúvida não deixe se consultar uma assessoria jurídica especializada para evitar problemas futuros para todas as partes envolvidas no negócio.

Por Alexiane Antonelo Ascoli

24 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Kommentare


bottom of page